A Adega do Cartaxo foi a empresa portuguesa mais premiada no concurso Vinalies Internationales, que decorreu em Paris e contou com um painel de 130 provadores que durante cinco dias avaliaram cerca de 3.500 amostras de vinho.

A Adega conquistou um total de nove medalhas, quatro de ouro com os vinhos: Bridão Private Collection Tinto (2016); Bridão Reserva Tinto (2016); Bridão Reserva Branco (2017) e CTX Vinho Licoroso (2011) e cinco medalhas de prata com os vinhos: Bridão Private Collection Branco (2017); Bridão Alicante Bouschet (2016); Bridão Touriga Nacional (2016); Bridão Clássico Branco (2017); Terras de Cartaxo Clássico (2016).